SINGRAL - Campelo (Figueiró dos Vinhos) - (Latitude 40.0408) (Longitude 8.23927) Altitude 673 Mts. - Radioamador residente CT1EIU - QTH locator IN50VA-

domingo, 21 de dezembro de 2014

Centro de saúde de Figueiró dos Vinhos cada vez mais longe...




quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Campelo sem telefones da PT,por tempo indeterminado.

É verdade ! a PT continua vergonhosamente a gozar com o "pessoal" aqui do burgo, já é uma saga que dura há anos, as queixas, e comunicações de falhas nos telefones da Freguesia ,repetem-se vezes sem conta, e os impotentes funcionários que acodem para solucionar este problema, vão deixando cair alguns lamentos, ainda que subtilmente, que nos faz perceber que o problema reside na falta de investimento, capaz de substituir os velhos e decadentes equipamentos com falta de capacidade para gerir a rede existente! Com frequência repõem a ligação a um ou dois assinantes e de seguida falham outros dois...que antes tinham serviço,é uma espécie de alternância de subsistência.
Acontece porém, que a situação tem vindo a agravar-se e desta vez está a ficar um problema colectivo, e sem resolução a contento à vista,os equipamentos estão a cair de podres,as linhas estão todas remendadas e nada de concreto e substancial é feito, no sentido de assegurar um serviço telefónico decente a toda uma população, remetida à tão conhecida interioridade e tão longe de tudo, e necessitada por vezes de recorrer ao telefone para pedir ajuda em momentos de aflição quando necessita de apoio médico.Muitos têm sido os esforços feitos pelo poder autárquico, para sensibilizar a tão carinhosa PT a fim de melhorar a infraestrutura existente, a própria Junta de Freguesia, tem vindo ao longo dos tempos tentando alternativas, mas com um sucesso relativo, recorrendo a operadoras de GSM ,ela própria fica incomunicável vezes sem conta, o terminal dos CTT local, também sofre de cortes de comunicação inúmeras vezes,enfim, uma VERGONHA, mas se ler-mos os jornais ou assistir-mos às notícias televisivas sobre a célebre e carinhosa PT, verifica-se que há dinheiro para tudo...será que ainda temos que retroceder aos tempos da A.P.T. ? (Anglo Portuguese Telephone) quem se lembra?
Eu próprio aqui no Singral, tive que recorrer a uma operadora estrangeira para poder ter telefone e internet via satélite,pois não existe qualquer outra alternativa decente de âmbito nacional,certo é ,que os custos são maiores ,mas é o preço que temos que pagar enquanto possível, por viver-mos no Cú do Mundo.
PT uma empresa de vanguarda,mas que se está cagando para os lugarejos do interior,se tiver que ser comprada por outras "gentes" ,sinceramente espero que os hipotéticos novos "donos" tenham um olhar diferente para os que não conseguem desfrutar de um serviço, que afinal tanto tem de lúdico, como de necessário e que estão dispostos a pagar o serviço, tal como os sortudos da grande cidade...sem discriminação.


Obs:
Eis aqui alguns "links", de publicações anteriores deste blog, sobre a problemática das comunicações na Freguesia.


http://singral.blogspot.com/2014/06/portugal-telecom-telecome-ao-seu-mais.html





http://singral.blogspot.com/2006/08/internet-no-singral-versus-pt.html



sexta-feira, 14 de novembro de 2014




domingo, 9 de novembro de 2014

Almoço de S.Martinho em Alge

Atenção sócios e simpatizantes da Associação Casa de Convívio "O Penico" em Alge.

Realiza-se no próximo dia 15 de Novembro o já habitual almoço, seguido de magusto, e que desta feita se alargará para uma noite de fados!
Com os fadistas Clara Maria e Toni, acompanhados por Joaquim Domingos e Eduardo Carvalho.
Façam as vossas marcações!

sábado, 8 de novembro de 2014

Figueiró dos Vinhos debateu Emprego e Desenvolvimento




Figueiró dos Vinhos debateu Emprego e Desenvolvimento


Figueiró dos Vinhos debateu as questões ligadas ao emprego e ao desenvolvimento na conferência realizada dia 6 de novembro, iniciativa que se revelou muito oportuna e pertinente, a avaliar pelo conjunto de oradores reunidos e pela presença cerca de 200 participantes.

Numa organização do Município de Figueiró dos Vinhos e da UGT – Leiria, coube a Jorge de Abreu e a Amílcar Coelho, fazerem a abertura formal da conferência, enquadrando a realização da mesma na ótica do emprego, do investimento e do crescimento económico.

Jorge Abreu, Presidente da Câmara Municipal referiu como ideia a reter a necessidade de implementar estratégias municipais assentes na criação de um “ambiente amigo do investidor”, complementadas com políticas nacionais ajustadas que incluam instrumentos de discriminação positiva para os territórios de baixa densidade.
A aposta na dinamização económica, no apoio aos empresários e à criação de emprego por via da captação de investimento revelam-se decisivos para o futuro.

O painel de oradores, nos quais se incluíam Agostinho Branquinho, Secretário de Estado da Solidariedade e da Segurança Social e Octávio Oliveira, Secretário de Estado do Emprego, representantes do mundo empresarial, entidades públicas e ligadas ao ensino superior, partilharam conhecimentos, visões, apontaram caminhos e perspetivas de desenvolvimento futuro.


Figueiró dos Vinhos, 7 de novembro de 2014



 (Nota de imprensa emitida pelo Gabinete de Comunicação da Câmara Municipal de Figueiró dos Vinhos)

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Conferência sobre emprego desenvolvimento desafios e oportunidades promovido pela UGT realizada em Figueiró dos Vinhos


Como que para cumprir a tradição ,estas conferências começam depois da hora marcada...esta iniciou-se com quinze minutos de atraso.
De uma forma geral e na minha singular e humilde apreciação,grande parte do tempo foi gasto em dissertações que rodearam uma apreciação dos valores obtidos em termos estatísticos de diversos indicadores, tais como desempenho da economia até à presente data, fazendo comparações entre Figueiró dos Vinhos e outras regiões limítrofes,destacando-se um excelente trabalho de pesquisa apresentado pela Drª Ana Sargento (ESTG,CIGS/IPLEIRIA).
Ficou-me retido na memória com particular interesse uma frase dita pela oradora Drª Neusa Magalhães (NERLEI) que a dada altura da sua intervenção,e com um sóbrio sorriso nos diz o seguinte, " Neste momento as empresas estão a procurar pessoas" .
Duas ausências da lista de oradores foram notadas,o Dr.Jorge Santos que teve que se ausentar para o estrangeiro e que foi representado pela Drª Neusa Magalhães e ainda o Presidente da C.I.P. António Saraiva que se encontrava doente.
O Sr. Secretário de Estado da Solidariedade e Segurança Social Agostinho Branquinho na sua intervenção referiu a dada altura que a economia social (cooperativas mesericórdias etc) contribuem em mais do dobro que o sector financeiro para a riqueza do País,referindo mais à frente," Temos que dar um sinal para minimizar o esforço pedido aos Portugueses" aproveitando de seguida para agradecer à UGT o papel determinante na concessão do novo ordenado mínimo nacional.Também foi agradável e interessante ouvir-mos a intervenção do empresário Eduardo Scarchetti,que ao usar da palavra, insistiu com com um "Boa tarde!"até que a audiência lhe retorquisse o cumprimento,condimentado pelo agradável sotaque Brasileiro,esforçou-se para nos explicar as razões  que o levaram a fixar-se em Figueiró dos Vinhos,realçando a qualidade de vida,a qualidade das pessoas,o apoio das autoridades locais e os fáceis acessos daqui para qualquer ponto do País.
Vale a pena também realçar que o auditório não dispôs de lugares sentados suficientes para acomodar todos os presentes (185 lugares sentados).
Amilcar Coelho,presidente da UGT (Leiria) teceu algumas palavras de agradecimento aos convidados pela sua presença no evento, e durante grande parte da conferência foi fazendo de moderador e apresentando os oradores que se seguiam,Jorge Gaspar (Presidente do IEFP-Formação e emprego)fez uma particular alusão à lei das finanças locais no ponto que diz respeito ao Indíce Sintético de Desenvolvimento Regional ,chegou a altura da intervenção de Carlos Silva (Secretário Geral da UGT),que com uma eloquência desmedida e descontraída, catalisou a audiência ,palavras essas que foram registadas por nós, e estão disponíveis para quem tiver interesse em ouvir ,no vídeo abaixo publicado.A finalizar o leque de intervenções tivemos o Sr.Secretário de Estado  do Emprego Octávio Oliveira que na sua intervenção deu um particular destaque  ao facto que nem tudo está mal,pois as recentes estatísticas revelam uma melhoria da taxa de desemprego.Na segunda metade da conferência tivemos também a participação do Director do Jornal de Leiria Sr.João Nazário, que lamentou o facto de não dar uma cobertura mais consistente aos acontecimentos nesta região, por estar-mos muito longe... e os meios que dispõem não serem os melhores, em jeito de moderação foi-nos sintetizando o que o orador anterior tinha dito ,não fôssemos nós termos esquecido. 
O sr. Presidente da Câmara Municipal Sr.Jorge Abreu fez a sua alocução de abertura e também de encerramento dos trabalhos,sendo no final anunciado que estava disponível um pequeno lanche para quem quisesse, não obstante o adiantado da hora fizesse sugerir momento para jantar...à saída do recinto havia disponível um exemplar do Jornal de Leiria distribuído gratuitamente.
Em resumo muito se disse sobre o que era preciso fazer,mas faltou o como,e algum espaço de intervenção para o público presente...ou não se trata de uma reunião para tratar de assuntos que interessam aos que nela tomam parte?.















quinta-feira, 23 de outubro de 2014

A vantagem de ser "ignorante" !

Já me tinha apercebido deste fenómeno há muito tempo,mas este trabalho é de uma eloquência e sagacidade que me encheu as medidas...