Singral Cimeiro - Campelo (Figueiró dos Vinhos) - (Latitude 40.0408) (Longitude 8.23927) Altitude 673 Mts. -

sábado, 28 de dezembro de 2013

Singral "O Tertuliano"

Estas foram as mais recentes da tertúlia de hoje,e a mesma decorreu de forma muito polivalente em que os temas de conversa se bifurcavam em várias frentes,falou-se da actividade da UGT ,pois o seu secretário geral esteve presente,falou-se da qualidade do cosido em que a carne de vaca foi a mais solicitada...trocaram-se impressões sobre vinhos...veio á baila a greve dos CTT,contra a privatização,(facto já consumado) e até se falou das concessões das águas em Portugal,afinal também já temos um tal "Benjim waters" (Chinês) que adquiriu diversas concessões ,entre elas a de Ourém...e esta hem?por fim avistámos alguns mais friorentos a ajeitarem os pedaços de lenha na lareira, não fosse ela extinguir-se...O Tertuliano recomenda-se e continua a granjear novos visitantes, desta feita um simpático casal que veio de Odivelas,para satisfazer uma natural curiosidade ,aceitaram uma bebida e prometeram voltar um dia destes...










sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Assembleia de Freguesia de Campelo


Município de Figueiró dos Vinhos colabora em iniciativa de treino de cão-guia



O Município de Figueiró dos Vinhos, aceitou com todo o agrado o pedido de autorização submetido por um seu trabalhador para se poder acompanhar de uma cadela, a Veneza, em horário de trabalho.
O trabalhador propôs-se a ser uma Família de Acolhimento e recebeu em sua casa a Veneza, pertencente à ABAADV – Associação Beira Aguieira de Apoio ao Deficiente Visual
Esta associação, tem por objetivo promover por todos os meios ao seu alcance, em cooperação com entidades públicas e privadas, o apoio e a integração social, cultural e profissional do deficiente visual sendo o seu âmbito de ação nacional.
Foi criada em 2000, e surgiu como consequência de um Projeto Comunitário e tem como principal resposta social a Educação de Cães-guia para Cegos. Desta forma permite a utilização gratuita destes cães às pessoas portadoras de deficiência visual para quem este companheiro representa uma nova liberdade. De forma a desenvolver as capacidades e potencialidades necessárias para ser um Cão-guia é indispensável que os cachorros passem o primeiro ano de idade numa Família de Acolhimento que lhe vai ensinar progressivamente “as regras de boas maneiras”. É a permanência junto desta família que vai proporcionar ao cachorro apreender as regras elementares de obediência e o contacto com os diversos estímulos interiores (campainha, telefone, aspirador, etc) e exteriores (trânsito, cheiros, outros animais, locais públicos, etc), ou seja, a sua socialização de forma a que este se venha a desenvolver sem medos ou outras fobias.
Desta forma o Município de Figueiró dos Vinhos, demonstra a sua sensibilidade para a importância deste tipo de projetos de cariz social, que vai de encontro aos seus objetivos de apoiar e acompanhar a comunidade que vive diariamente com as mais variadas limitações.


domingo, 15 de dezembro de 2013

Natal,cada vez mais...

DIA DE NATAL

Hoje é dia de ser bom

.
É dia de passar a mão pelo rosto das crianças,


de falar e de ouvir com mavioso tom
,
de abraçar toda a gente e de oferecer lembranças
.
É dia de pensar nos outros – coitadinhos – nos que padecem

,
de lhes darmos coragem para poderem continuar a aceitar a sua miséria,


de perdoar aos nossos inimigos, mesmo aos que não merecem,


de meditar sobre a nossa existência, tão efémera e tão séria.



Comove tanta fraternidade universal

.
É só abrir o rádio e logo um coro de anjos


como se de anjos fosse,


numa toada doce,


de violas e banjos,


entoa gravemente um hino ao Criador.


E mal se extinguem os clamores plangentes,


a voz do locutor


anuncia o melhor dos detergentes.

De novo a melopeia inunda a Terra e o Céu


e as vozes crescem num fervor patético.


(Vossa excelência verificou a hora exacta em que o Menino Jesus nasceu?)

Não seja estúpido! Compre imediatamente um relógio de pulso antimagnético.)


Torna-se difícil caminhar nas preciosas ruas.


Toda a gente acotovela, se multiplica em gestos esfuziante,


Todos participam nas alegrias dos outros como se fossem suas


e fazem adeuses enluvados aos bons amigos que passam mais distante.

Nas lojas, na luxúria das montras e dos escaparates,


com subtis requintes de bom gosto e de engenhosa dinâmica,


cintilam, sob o intenso fluxo de milhares de quilovates,


as belas coisas inúteis de plástico, de metal, de vidro e de cerâmica.



Os olhos acorrem, num alvoroço liquefeito

,
ao chamamento voluptuoso dos brilhos e das cores.


E como se tudo aquilo nos dissesse directamente respeito,


como se o Céu olhasse para nós e nos cobrisse de bênçãos e favores.

A oratória de Bach embruxa a atmosfera do arruamento.


Adivinha-se uma roupagem diáfana a desembrulhar-se no ar.


E a gente, mesmo sem querer, entra no estabelecimento


e compra – louvado seja o Senhor! – o que nunca tinha pensado comprar.

Mas a maior felicidade é a da gente pequena.


Naquela véspera santa


a sua comoção é tanta, tanta, tanta,


que nem dorme serena.


Cada menino abre um olhinho


na noite incerta


para ver se a aurora já está desperta.


De manhãzinha


salta da cama,


corre à cozinha em pijama.

Ah!!!!!!!

Na branda macieza


da matutina luz

aguarda-o a surpresa


do Menino Jesus.

Jesus,


o doce Jesus,


o mesmo que nasceu na manjedoura,


veio pôr no sapatinho


do Pedrinho


uma metralhadora.

Que alegria


reinou naquela casa em todo o santo dia!


O Pedrinho, estrategicamente escondido atrás das portas,


fuzilava tudo com devastadoras rajadas


e obrigava as criadas


a caírem no chão como se fossem mortas:


tá-tá-tá-tá-tá-tá-tá-tá-tá-tá-tá.


Já está!


E fazia-as erguer para de novo matá-las.

E até mesmo a mamã e o sisudo papá


fingiam


que caíam


crivados de balas.



Dia de Confraternização Universal,


dia de Amor, de Paz, de Felicidade,


de Sonhos e Venturas.


É dia de Natal.


Paz na Terra aos Homens de Boa Vontade.


Glória a Deus nas Alturas.

(António Gedeão)

sábado, 14 de dezembro de 2013

Singral "O Tertuliano"




sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Mais uma perda na população da freguesia.




Faleceu a nossa amiga Aura,sabemos que se realiza hoje o funeral em Campelo desconhecemos no entanto a que horas ,a nossa humilde homenagem aqui fica ,os nossos sentidos pêsames á sua familia e amigos.




Amizade silenciosa...!

O Natal


quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Espaço internet de Figueiró dos Vinhos muda de instalações.




Espectáculo de bailado em Miranda do Corvo

                                              Entrada gratuita